Neste meu caminhar pela vida,
quando o amargo da solidão
chega aos meus lábios,
vindo das lágrimas que insistem
em brotar dos olhos meus,
é que sinto o quanto preciso
de alguém que as enxugue,
que me acarinhe a alma,
estando ao meu lado, para juntos,
apreciarmos desde o nascer do Sol
na Aurora de um novo dia, até o Poente,
que deixa acontecer um novo anoitecer,
e assim, ter compartilhado todos os
momentos que esse dia ofereceu..


Quando no silêncio da noite
a dor, em gemido sufocante,
fere a alma com a solidão,
é que sinto o quanto preciso de alguém
para dividir a beleza da noite enluarada,
do olhar pela janela, e, das estrelas cadentes,
fazer pedidos, tais quais eram feitos
na alegria da adolescência...


Quando busco o dormir,
na cama vazia e fria,
é que sinto o quanto preciso de alguém,
que me aqueça o corpo com carinhos, e,
que compartilhe comigo, sonhos
bons de sonhar, e que me
entenda apenas no olhar e
no meu coração a pulsar..


Quando o Sol, já começa a vencer
a névoa, no milagre de mais um
amanhecer... é que sinto o quanto
preciso de alguém comigo, para compartilhar
a magia da Criação Divina
neste belo e Mágico Jardim, chamado:
VIDA!..


Ah!!! como eu preciso de você!..

Thais S Francisco
"beijaflor"

 

::: Menu ::: Voltar ::: Recomende esta Página :::


Direitos Autorais reservados à autora
Respeite os autores e suas obras, matenha a autoria.

 

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys