No turbilhão da vida,
que um dia nos fez encontrar
permitindo nos apaixonar,
também fomos bruscamente separados
me fazendo tristemente chorar!

A vida gira sem parar.
tão célere que até nos entontece.
Nos permitiu darmos as mãos,
mas, na centrífuga de seus giros
nos deixou escapar os dedos
não dando tempo
para um aceno
de Adeus!

No turbilhão da vida
que nos deu asas para voar em sonhos
nos permitiu chegar tão próximo da realização,
mas, em diversas térmicas mornas
nos levou a bater nossas asas
tão longe daquilo que tanto queríamos
e, que, tão perto estava.
Tão perto...tão perto!

Óh! Turbilhão da Vida!
Por que levaste para longe
este Amor que nos permitiste um dia
Amar e ser Amada?
Por que?

Óh! Vida!
Neste teu incansável turbilhão
traze-me a resposta
para este meu indagar:
- Por que? Por que?
Pois sem esta resposta
não saberei seguir
neste teu infindável
turbilhão!

Thais S Francisco
" Beijaflor"


::: Menu ::: Voltar :::


::: Recomende esta Página :::


Direitos Autorais reservados à autora
Respeite os autores e suas obras, matenha a autoria.


CrysGráficos&Design
Webmaster e Designer:Crys