O tempo se faz ligeiro.
Não vens ao meu encontro, amor,
para desvendar meus segredos
que guardados estão
no meu coração!..

Tens a chave, tens a senha
que abrirá as portas do meu eu
que te espera pacientemente,
mas, o tempo já se aflige
pois célere caminha
e junto me leva!..

Não te demores, amor meu,
pois meus segredos são teus.
Vem desvendá-los
tenho certeza de que te encantarás
ao descobrir cada um deles!..

Vem, amor meu.
Acompanha os passos do tempo
que já se faz ligeiro.
Não deixes, amor, que outros,
venham a saber antes de ti
estes segredos meus, que são
tão somente teus!..

...somente teus!..

Thais S Francisco
"beijaflor"



::: Menu ::: Voltar :::


::: Recomende esta Página :::


Direitos Autorais reservados à autora
Respeite os autores e suas obras, matenha a autoria.

 


CrysGráficos&Design
Webmaster e Designer:Crys